Brisa prepara sistema de carros partilhados em Lisboa

Serviço estará operacional até ao final do ano, mas os moldes em que vai funcionar só serão conhecidos depois do Ve

fabio augusto

Até ao final do ano, a Brisa vai lançar um sistema de partilha de carros, pagos ao minuto, em Lisboa. O sistema está a ser criado em parceria com uma empresa alemã do setor, a DriveNow, e os moldes da operação devem ser conhecidos “no final de Agosto ou início de Setembro”, informou esta segunda-feira Vasco de Mello, presidente da operadora portuguesa de infra-estruturas de transportes, na apresentação da parceria, em Lisboa.

Lisboa é a 13ª cidade onde a empresa alemã opera. Noutros países onde a DriveNow está implementado o serviço funciona através de uma aplicação que permite encontrar o veículo mais próximo, reservar o carro, inserir o destino e começar a viagem. Os carros, da marca BMW e Mini, vão estão espalhados pela cidade: não há estações nem pontos fixos de recolha, apenas uma zona de referência dentro da qual o carro tem que ser estacionado. O serviço está disponível 24 horas.

À data não se sabe quantos carros estarão disponíveis, quais as zonas da cidade onde é possível encontrar e estacionar o veículo, nem o preço por minuto. Sabe-se apenas que o valor a pagar inclui seguro, taxas, carregamento, se o carro for eléctrico, ou abastecimento de combustível, nos restantes casos.

A DriveNow tem perto de um milhão de clientes em cidades europeias como Milão, Berlim, Copenhaga, Londres e Munique, onde está sediada. O serviço é pensado para deslocações curtas, de poucos minutos dentro da cidade, “não para fazer concorrência directa ao aluguer de carro nem ao tradicional carsharing”, acrescentou Aurika von Nauman, directora de comunicação da empresa alemã.

O anúncio desta segunda-feira “reforça a presença da Brisa num território novo: a economia de partilha”, ressalvou Vasco de Mello. A empresa gestora das auto-estradas de Portugal e accionista maioritária da Via Verde lançou também, no final de Julho, o serviço de boleias, numa tentativa de “se tornar um operador de mobilidade e não só um gestor de infra-estruturas”, afirmou o presidente da empresa.

A cerimónia de apresentação da parceria contou com a presença de Fernando Medina, presidente da Câmara de Lisboa, e Tiago Farias, presidente da Carris.

Retirado de público

Anúncios

Publicado por

Marcelo Oliveira

Profissional com experiência consolidada na Gestão de Frotas em empresas de serviços de transporte ou com parque automóvel de volume. Mais detalhes em https://marceloxoliveira.com/quem-e-marcelo-oliveira

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s