Aposta tímida nos motociclos com mais de 50cc

De acordo com os números da ACAP, Setembro permitiu mais vendas nos motociclos
acima dos 50cc e a quebra nos quadriciclos

O mercado de veículos de duas rodas e de quadriciclos novos apresentou, em Setembro de 2012, um resultado sensivelmente igual ao ano anterior, de menos 0,7 por cento. Todavia, verificou-se uma enorme dualidade em termos do comportamento das vendas dos vários tipos de veículos que compõem este mercado.

Assim, se por um lado as vendas de motociclos com mais de 50 cm3 registaram um comportamento bastante positivo, já as vendas de quadriciclos caíram mais de 50 por cento, agravando a queda acumulada. Os ciclomotores e os motociclos até 50cc também registaram uma variação fortemente negativa, agravando igualmente a queda acumulada.

Nos primeiros nove meses de 2012 foram vendidos 18.513 veículos de duas rodas e de quadriciclos novos, tendo-se verificado uma diminuição das vendas em todos os tipos de veículos. A variação homóloga global acumulada situou-se em menos 11,6 por cento no referido período.Por tipos de veículos, e dentro do período referido, foi possível verificar para os motociclos e ciclomotores, em Setembro de 2012, um total de 2.041 unidades comercializadas, o que representou um decréscimo de 3,9 por cento, face a igual mês de 2011. Em termos acumulados, nos primeiros nove meses de 2012, as vendas diminuíram 7,5 por cento face ao período homólogo do ano anterior, tendo sido vendidas 17.441 unidades. Já em relação aos motociclos de cilindrada superior a 50cc, estes registaram em Setembro de 2012, um total de 1.781 unidades vendidas em Portugal, o que representou um crescimento de 11,7 por cento face ao mês homólogo de 2011.

Quanto às vendas acumuladas, nos primeiros nove meses de 2012, estas situaram-se nas 14.767 unidades, o que representou um decréscimo de 6,3 por cento. Os ciclomotores e motociclos de cilindrada igual ou inferior a 50cc registaram, no mês de Setembro de 2012, um total de 260 unidades comercializadas, o que representou uma queda de 29,7 por cento face ao mês homólogo de 2011. Em termos acumulados, nos primeiros nove meses de 2012, as vendas destes veículos atingiram 2.674 unidades, o que se traduziu numa diminuição de 13,6 por cento em relação ao período homólogo de 2011.

Por fim, e relativamente aos quadriciclos, o mercado permitiu um total de 81 unidades vendidas em Setembro de 2012, o que representou uma fortíssima queda de 52,9 por cento face a igual mês de 2011. Em termos acumulados, nos primeiros nove meses de 2012 a comercialização de quadriciclos registou uma evolução bastante negativa de 48,7 por cento em relação ao período homólogo de 2011, tendo sido vendidos apenas 1.072 quadriciclos.

Fonte: Lusomotores

Anúncios

Publicado por

Marcelo Oliveira

Profissional com experiência consolidada na Gestão de Frotas em empresas de serviços de transporte ou com parque automóvel de volume. Mais detalhes em https://marceloxoliveira.com/quem-e-marcelo-oliveira

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.